Mixtape: Deu branco | Sobrebarba


Mixtape: Deu branco

Jornalista, fotógrafo, cineasta, músico, esportista, barbudo entusiasmado, mas, sobretudo, um grande colecionador de aventuras – e de alguns perrengues…



Parceiro da gente aqui da Sobrebarba, o Rafael Duarte é tudo isso aí (e anda mais cheio de projetos do que nunca).

No sábado (19/09), ele lança no Rio o doc “Whiteout”, um registro da sua primeira grande escalada, na montanha Mont-Blanc, na França, que tem 4.810 metros de altitude e é uma das mais altas da Europa. O filme vai ter exibição gratuita e ao ar livre às 21h no Parque dos Patins, na Lagoa, dentro do festival Rocky Spirit.



E, na véspera, o Rafa e os caras da banda dele, a Panamérica, tocam no ArtRua, evento paralelo ao ArtRio.

Foi sempre assim: música e aventuras (a maioria delas ao lado do Jaime Portas Vilaseca, com quem toca o projeto de expedições Miramundos desde 2009) correm juntos com ele, que compõe, canta, toca violão e ainda agita a noite carioca com uma festa chamada Jazz Me Up.

Mas ninguém melhor do que o próprio Rafa pra explicar essa simbiose: “A música entrou na minha vida na minha adolescência. Compor foi a minha porta de entrada para as artes. Depois vieram a fotografia, o cinema… Fiz poucas aulas de violão, fui meio autodidata. Só com a percussão que tive aulas, já que toquei por 6 anos nos blocos de Carnaval do Rio”.



Sobre a Mixtape eclética que ele preparou pra gente (de Novos Baianos a Eddie Veder, passando por Manu Chao e Beirut), ele conta que são músicas que gosta de ouvir quando está na natureza.

“Os BPMs são muito importantes no mundo dos esportes, mas, no meu caso, não são meu único estímulo. Gosto de ouvir músicas que me colocam num mood bom… A vibe de cada uma das músicas dessa playlist me move de um jeito único. A música é o meu doping no esporte”.

Então trace sua rota e aperte o play!

[ Assine e ouça a Mixtape também no Spotify ]


Deixe um comentário